Krav Mabytes: especial Semana da Criança

Pais e responsáveis, vocês sabem como educar crianças e adolescentes a ter uma vida digital saudável?

Sempre falamos sobre a necessidade de desenvolver hábitos e uma cultura de segurança. Ambientes corporativos podem ajudar os colaboradores a pensar na temática e levar boas práticas para casa, ensinando familiares e amigos.


Mas você já parou para pensar que estamos cercados de nativos digitais? Crianças e adolescentes convivem com equipamentos eletrônicos, redes sociais e todo tipo de facilidade que a internet permite desde muito cedo. Você sabe como conversar com eles sem parecer que ainda vive em outro milênio?

Para um futuro digital seguro, eduque os jovens

Antes de ir cobrar determinados comportamentos de crianças e adolescentes, pense se você também mantém bons hábitos:

  • Não repasse discursos de ódio

  • Não repasse informações sem checar a fonte

  • Não adicione desconhecidos

  • Não passe dados pessoais para desconhecidos

Fake News - o problema do século XXI. O Brasil é um dos países que mais repassa informações sem checar fontes. Espalhar notícias falsas pode ser considerado crime e, caso a notícia impacte de maneira negativa a vida das pessoas, pode ter agravantes. Se você repassa mentiras que podem ser verificadas com facilidade na internet, está abrindo espaço para que seus filhos desconfiem de você. Que tal assumirmos um pacto com a responsabilidade!?

Você presenteia crianças com tecnologia?

Muitos brinquedos estão conectados com a internet. Por um lado, traz uma série de estímulos que ajudam as crianças a desenvolver diversas habilidades. Mas você sabia que é possível invadir esses brinquedos? Atacantes podem filmar a rotina da sua casa e até mesmo conversar com seus filhos, conseguindo acesso a dados pessoais de toda a família - o que por consequência pode se transformar em um caso de extorsão ou outro crime.


Para estimular que crianças tenham um comportamento seguro na internet, apresente o projeto do Google: Be Internet Awesome. Através da gamificação, é possível ensinar conceitos e comportamentos que vão garantir uma vida digital saudável, escapando dos riscos que a internet também traz.

Adolescentes entendem melhor e não podem cometer mais esses erros

Compartilhar informações nas redes sociais é divertido! Faz com que adolescentes mantenham relações com seus amigos, conhecendo um pouco mais os seus interesses. Mas também é uma maneira que os atacantes conseguem pinçar informações para criar golpes e tentar tirar dinheiro de você e da sua família.

Sabe aqueles testes com respostas engraçadinhas? Muitos jovens compartilham esse conteúdo, mas além de ser uma maneira de direcionar publicidade, mapeando todos os gostos dos usuários, também é uma forma de capturar dados pessoais.

E se esse dados acabam vazando, o atacante pode conseguir acessar além de redes sociais, alguns equipamentos e dispositivos, comprometendo também a privacidade do adolescente. Por isso termos de uso e opções de compartilhamento (público/privado) são muito importantes, esteja sempre atento a forma como você permite que sites e outros serviços utilizam seus dados.

Vamos conversar sobre a importância da privacidade

Algumas opções para você gerenciar o acesso dos seus filhos:

  • Deixe o dispositivo utilizado em um local compartilhado: assim você consegue ver as atividades realizadas

  • Limite o tempo de navegação: estabeleça horários para entrar nas redes sociais

  • Ative filtros de conteúdo: uma maneira de garantir que determinados termos não chegarão ao seu filho

  • Crie listas negras no navegador: para evitar que sites específicos sejam acessados

Mas lembre-se que todos nós precisamos de um espaço só nosso. Não invada a privacidade de crianças e adolescentes. Se você perceber comportamentos atípicos, tente entender o que está acontecendo e se mostre aberto para que eles contem seus problemas para você.

Para participar das próximas edições do nosso treinamento de autodefesa gratuito, acompanhe nossas redes sociais e receba em primeira mão nosso chamado. O Krav Mabytes acontece todo mês no prédio do InovaBra.